Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Cidade Alerta
Publicidade

Caso Rhavi: mãe do bebê que morreu com suspeita de maus-tratos rebate acusações

Ela nega qualquer tipo de agressão, mas confessa ter acobertado ferimentos causados pelo padrasto da criança

Cidade Alerta|Do R7

A mãe do bebê Rhavi, de 1 ano e 9 meses, fala pela primeira vez depois da morte do filho. A criança foi levada ao hospital com lesão na cabeça que pode ter sido causada por maus tratos. Rhavi morreu 20 dias depois, na cidade de Leme, no interior paulista. O pai e a madrasta de Rhavi acusam a mãe e o padrasto por terem causado não só essa lesão, mas também outros ferimentos anteriores na criança. Raíssa, a mãe, quebra o silêncio e nega qualquer tipo de agressão da parte dela, mas confessa ter acobertado ferimentos anteriores que podem ter sido causados pelo padrasto Wesley.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.