Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Cidade Alerta
Publicidade

Exclusivo: esposa suspeita de matar o GCM fala pela primeira vez

Ela prometeu se entregar à polícia

Cidade Alerta|Do R7

A principal suspeita de matar o Guarda Civil Luis Alberto, de 26 anos, falou pela primeira vez. Thaís, de 29 anos, alega legítima defesa e ainda acusa o marido de agressão. A mulher disse que no dia do crime, o GCM tentou ter relações sexuais com ela e que quando ela negou, ele começou a agredi-la e ameaçá-la de morte. Ele também teria ameaçado os filhos do casal. Thaís disse que as agressões começaram há dois meses.

Em áudios, que teriam sido gravados pelo homem, Thaís é ameaçada pelo marido. Luis morreu depois de ser baleado pela esposa durante uma discussão em uma chácara em São Lourenço da Serra, na grande São Paulo. Thaís prometeu se entregar à polícia, mas, até o momento, não apareceu na delegacia.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.