Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Fala Brasileiro
Publicidade

Sete em cada dez brasileiros acreditam que a venda de games deveria ter mais fiscalização 

Segundo estudo do Real Time Big Data, 79% dos entrevistados acham que com este controle a classificação indicativa seria obedecida 

Fala Brasileiro|Do R7

O Fala Brasileiro desta semana pesquisou como os games influenciam o dia a dia das pessoas. Três em cada dez casas têm pelo menos um jogador de games. Na sua maioria são homens de 16 aos 24 anos.

A pesquisa exclusiva do Fala Brasil perguntou quanto cada um gasta com os games e os resultados foram surpreendentes: 74% desembolsam entre R$ 0,00 e R$ 100,00; 7% entre R$ 100,00 e R$ 200,00; 4% entre R$ 200,00 e R$ 300,00; 4% gastam mais de R$ 300,00; 11% não souberam responder. 

Para 57% dos entrevistados, os jogos são violentos e 47% acreditam que quem joga videogame tende a apresentar um comportamento mais agressivo. A maioria apoia a ideia de fiscalização mais rigorosa sobre a classificação indicativa na hora da venda.

As informações foram constatadas por uma pesquisa realizada pelo Instituto Real Time Big Data entre os dias 18 e 19 de janeiro. O levantamento foi divulgado pelo Fala Brasil desta sexta-feira (27). A margem de erro é de 3 pontos para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%.

Veja mais informações no infográfico: 

Veja como os games influenciam o dia a dia dos brasileiros
Veja como os games influenciam o dia a dia dos brasileiros Veja como os games influenciam o dia a dia dos brasileiros

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.