Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Pecado Mortal
Publicidade

Bernardo Velasco relembra mudança radical no visual para Pecado Mortal: "Por um personagem topo tudo"

Ator, que também é formado em Educação Física, está à frente de um projeto de vida saudável, mas revela vontade de voltar à telinha

Pecado Mortal|Gabriel Alberto, do site oficial

Bernardo Velasco brilha em dose tripla na RECORD
Bernardo Velasco brilha em dose tripla na RECORD Bernardo Velasco brilha em dose tripla na RECORD (Reprodução/Instagram)

Bernardo Velasco está no ar em dose tripla na RECORD. À tarde, o público acompanha o ator como Eleazar na reprise de A Terra Prometida, e à noite como Matheus em Jezabel, e Romeu em Pecado Mortal, seu primeiro trabalho na emissora.

Na novela de Carlos Lombardi, que voltou após dez anos da exibição original, Bernardo é visto com o visual bem diferente e distante daquele que os fãs se acostumaram. 

“Tenho um enorme carinho por essa novela, foi meu primeiro papel na casa e teve uma grande transformação [no visual] para um personagem, fiquei loiro para interpretar o Romeu”, relembrou o ator em entrevista ao site oficial, que tem acompanhado a edição especial da novela. 

“Com certeza estou ligado para reviver aquelas emoções. Lembro até hoje dos meus testes, da aprovação, da felicidade do “sim” para dar vida ao Romeu, e de tudo que veio ao longo da trama. Realmente, tenho boas lembranças desse meu primeiro trabalho”, reforçou Bernardo. 

Publicidade
Para viver Romeu em Pecado Mortal, Bernardo teve que ficar loiro
Para viver Romeu em Pecado Mortal, Bernardo teve que ficar loiro Para viver Romeu em Pecado Mortal, Bernardo teve que ficar loiro (Michel Angelo/RECORD)

Na trama, o ator aparece com o cabelo loiro para viver um típico garoto da zona sul do Rio de Janeiro que trabalha no hotel em que Stella (Betty Lago) se hospeda. Bernardo relembra que teve dificuldades em se acostumar com o visual:

“Essa mudança foi esquisita! Muitas vezes acordava e me assustava quando me olhava no espelho. Mas sempre gostei de me ver diferente. Jamais teria ficado loiro por conta própria, mas por um personagem topo tudo. Não vejo a hora de ter que mudar radicalmente de novo!”.

Publicidade

Como Romeu, Bernardo explorou um lado romântico e divertido do jovem e a relação com a família.

“Ele era um jovem solar e meio atrapalhado, apaixonado pela Silvinha (Lua Blanco). Era um cara bem correto, que se jogou na vida por querer conquistar o dele. Tinha uma família doidinha, a mãe era a Bianca Byington, maravilhosa, me ensinou muito, e as irmãs [gêmeas] eram vividas pela Juliana Didone, ou seja, só memórias boas”, ressaltou. 

Publicidade
Atualmente, o ator se dedica ao projeto Velasco Squad, com foco em vida saudável
Atualmente, o ator se dedica ao projeto Velasco Squad, com foco em vida saudável Atualmente, o ator se dedica ao projeto Velasco Squad, com foco em vida saudável (Reprodução/Instagram)

Pecado Mortal foi exibida originalmente em 2013 na RECORD, dez anos depois, Bernardo refletiu sobre sua trajetória:

“Me vejo mais maduro profissionalmente e pessoalmente. Era um momento de vida totalmente diferente. Foi a minha primeira novela na emissora e hoje, dez anos depois, já foram outras novelas [na casa]”. 

O último papel do ator na televisão foi em 2019, na macrossérie Jezabel, também em exibição. Bernardo reforçou a vontade de voltar a atuar na telinha. Recentemente, ele participou de um curta-metragem e se dedica a um projeto de vida saudável. 

“Antes de ser ator, me formei em Educação Física pela UFRJ. E, na pandemia, comecei a ajudar as pessoas que estavam em casa. Depois disso, veio esse projeto de treinos em casa e na academia. Sempre fui ligado a esportes”, contou. 

Para 2024, o ator só pensa em uma coisa: trabalho!

“Quero voltar a nem ter férias de tanto trabalho! Além de muito amor e saúde”, concluiu.

Pecado Mortal vai ao ar de segunda a sexta, às 22h45, na tela da RECORD.

Veja o antes e depois do elenco da novela:

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.