Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Reis

Lina Mello relembra cenas marcantes de Mical na série Reis

Atitudes impulsivas, conflitos e muito sofrimento marcam a trajetória da primeira esposa de Davi (Cirillo Luna) na trama

Entrevistas|Bianca Godoi, do site oficial

Lina Mello define Mical: "Personagem autêntica"
Lina Mello define Mical: "Personagem autêntica" Lina Mello define Mical: "Personagem autêntica"

A personalidade forte é uma das principais características de Mical em Reis. A israelita foi a primeira esposa de Davi (Cirillo Luna) na trama, mas os dois foram separados durante a perseguição de Saul (Carlo Porto). Quando se reencontraram, o belemita já havia tomado outras esposas, e Mical precisou se adaptar a uma nova realidade. Em entrevista ao site oficial, Lina Mello analisou os principais momentos da personagem, como a gravidez e a recente perda do bebê.

A israelita foi a última a engravidar entre as muitas esposas do rei. A atriz contou que a sequência exigiu muito preparo mental e emocional. "Retratar um aborto é algo muito forte, e é difícil de imaginar como uma mulher se sente nesse momento. Focar nas crenças dela e no que significava essa gravidez foi algo que me ajudou a entrar na personagem e retratar esse momento tão marcante".

Assista à cena:

Depois desse trauma, Mical se tornou uma pessoa amargurada a ponto de desprezar a maneira com a qual Davi honrou a Deus ao trazer a Arca da Aliança para Jerusalém. Por isso, a jovem não teve mais filhos até o dia da morte dela. "Acredito que essa parte da história acaba sendo interpretada de maneiras diferentes por cada um. Na minha visão, em partes, isso acontece por ela também ter renegado seus sobrinhos", disse a atriz.

Lina Mello ressalta amadurecimento da personagem
Lina Mello ressalta amadurecimento da personagem Lina Mello ressalta amadurecimento da personagem

Lina afirmou ter sido um grande desafio para Mical se adaptar ao fato de não ser mais a única mulher na vida do rei. "Desde o dia em a Mical conheceu o Davi, ela se apaixonou e construiu uma fantasia de como seria a grande história de amor deles. Com certeza não incluiria ter que dividi-lo com alguém. Ela cresceu com esse dilema na casa dela, a mãe [Ainoã, vivida por Francisca Queiroz] sofreu muito quando Saul começou a ter mais mulheres. Ela entende que é o dever de um rei, mas também não gosta nada disso, mesmo porque, no harém, não há uma hierarquia entre as esposas, então a competição é constante".

Por outro lado, a atriz se divertiu ao lembrar a cena do reencontro dos personagens, em A Conquista, quando Mical surpreende e dá um tapa na cara de Davi:

"Fazia muito sentido para mim esse 'mix de sentimentos' guardados por anos resultar em uma ação impulsiva. A Mical tem muito disso durante a série, sendo por fala ou ação. Ela é muito reativa. No dia da gravação, chegamos ao resultado que foi ao ar bem rápido, não teria outra reação para a Mical depois de tudo o que ela passou durante todos esses anos. Eu estava com uma grande expectativa de como o público iria receber isso e fiquei bem feliz com o resultado"

Após o fim das gravações da sétima temporada, Lina ainda fez questão de ressaltar o quanto Mical amadureceu ao longo da trama. "Ela sofre tantos traumas e aprende muito com as próprias dores. Ela passa de uma menina, princesa mimada, para uma mulher amarga e, futuramente, alguém que irá apoiar e aconselhar Davi. Para mim, foi um privilégio e muito gratificante interpretar uma personagem tão forte e autêntica como a Mical. Aprendi muito".

Continue acompanhando a jornada da israelita em Reis — O Pecado, de segunda a sexta, às 21h, na tela da Record TV. Veja também os melhores momentos da semana aos sábados, no mesmo horário. Os episódios completos da superprodução estão disponíveis no PlayPlus.com para assistir quando e onde quiser. 

Conheça o processo de confecção dos "looks" da série Reis:

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.