Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Reis

Marcelo Faria analisa conexão de Joabe com Deus antes da morte em Reis: "É uma redenção"  

Ator também reflete sobre a primeira experiência na Record TV: "Foi um prazer imenso"

Entrevistas|Gabriel Alberto, do site oficial

Marcelo Faria analisa momentos finais de Joabe
Marcelo Faria analisa momentos finais de Joabe Marcelo Faria analisa momentos finais de Joabe

Marcelo Faria encerrou a participação na série Reis — A Sucessão em uma cena carregada de emoção: o desfecho trágico de Joabe. Em entrevista ao site oficial, o ator comentou a necessidade de uma concentração maior para gravar a sequência, além de refletir sobre a trajetória na superprodução.

Na trama, Joabe fugiu para o Tabernáculo, local onde não poderia ser morto, após a sentença de Salomão (Guilherme Dellorto) contra Adonias (Brunno Daltro). No entanto, a proximidade da morte ajudou o ex-comandante do exército de Israel a se conectar com Deus e se redimir dos erros desde a juventude, quando o personagem era interpretado por Mario Bregieira.

Faria explicou como buscou se concentrar para entregar o que era necessário no set: “Uma cena de emoção forte, seja perda de alguém ou uma conversa com Deus, é sempre mais exigente. Você precisa estar muito concentrado, conectado com as suas emoções para conseguir transparecer para o espectador a emoção do personagem. A gente usa um pouco do que já viveu. No meu caso, é a memória emotiva, não tem muita técnica para isso. É muito importante estar com as palavras dentro de você para poder vir com naturalidade”.

Ator destaca a sensibilidade do desfecho de Joabe
Ator destaca a sensibilidade do desfecho de Joabe Ator destaca a sensibilidade do desfecho de Joabe

Faria contou que Joabe estava fragilizado em seus momentos finais e buscou a conexão com Deus ao se arrepender genuinamente dos seus pecados, causados pela raiva que nutriu durante a vida.

“Tem uma sensibilidade muito grande nisso tudo. É um momento muito sozinho, sabendo que ele está indo embora, e é uma redenção. Joabe sempre foi muito durão, um personagem rígido, obcecado por todos os poderes que almejou”.

Veja a cena:

Para o ator, o fato de o comandante estar em paz após a conversa com Deus e se deparar com o grande amigo Benaia (Angelo Coimbra) é muito significativo.

“Ele se arrependeu neste momento. É muito interessante o fato de ser o Benaia [que o mata]. Joabe pede a Deus para ser levado ao mesmo lugar que as pessoas que creem n’Ele vão, abre os olhos e vê um grande amigo, da vida inteira. Benaia ser o condutor e a mão que vai levá-lo para o outro lado foi muito legal”.

Marcelo Faria conta que Joabe o desafiou como ator
Marcelo Faria conta que Joabe o desafiou como ator Marcelo Faria conta que Joabe o desafiou como ator

Veterano na dramaturgia e com uma carreira consolidada, Faria explicou o que o atraiu em Joabe e por que aceitou o convite para interpretá-lo em Reis.

“Estou em uma fase da vida que tenho que escolher meus personagens. Eu leio e, se me apaixono por ele, vou fazer. Muito mais do que propriamente estar empregado, é fazer o que gosto, papéis que me chamem a atenção e me desafiem como ator. E o Joabe é um grande personagem, que me desafiou imensamente. Foi uma oportunidade de desenvolver o meu trabalho, me empenhar na arte de atuar com milhões de questões emocionais e de caráter que envolvem um grande papel”.

Com a complexidade do israelita, vieram também os aprendizados: “Para mim, foi um prazer imenso. E é isso o que eu busco hoje em dia. Joabe me ensinou muita coisa, foi muito bom poder mostrar um trabalho diferente. É importante para qualquer ator”, afirmou Faria.

Embates entre Joabe e Davi foram elogiados pelo ator
Embates entre Joabe e Davi foram elogiados pelo ator Embates entre Joabe e Davi foram elogiados pelo ator

Ao revisitar a jornada do personagem na oitava temporada, A Consequência, ele apontou algumas cenas marcantes, como o último encontro entre Joabe e Davi, quando o comandante diz que o rei “se aproveita” da relação com Deus.

“É bem forte essa fala, me marcou muito. As cenas em dupla são as que a gente mais aproveita como ator. Tive sequências maravilhosas com a Vanessa [Gerbelli], alguns embates, cenas boas com os filhos [de Davi], como na que ele chantageia o Salomão. Tem algumas sequências que me deixaram feliz em fazer”, relembrou.

A experiência em Reis foi engrandecedora para o ator, que tem consciência da responsabilidade dele frente às novas gerações: “Levo a experiência, a questão da liderança. Hoje, sou uma referência para a garotada dentro desse projeto. Muitos atores me ensinaram e, agora, estou nessa posição de ensinar. Isso também é muito prazeroso. Ajudei muita gente, aprendi muito. É sempre uma experiência boa estar em um projeto e lugares novos”, concluiu.

O que mais vem por aí no reinado de Salomão? Não deixe de acompanhar Reis — A Sucessão, de segunda a sexta, às 21h, na tela da Record TV. Perdeu algum momento? Veja o resumo da semana aos sábados, no mesmo horário. Aproveite também os episódios completos, disponíveis em PlayPlus.com.

Público fica impactado com mortes de Joabe e Adonias:

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.