Logo R7.com
Logo do PlayPlus
A Grande Conquista 2
Publicidade

Rachel Sheherazade é a nova apresentadora de A Grande Conquista

Após a participação na última temporada de A Fazenda, a jornalista virou uma das personalidades mais queridas pelo público

Novidades|Do R7

Rachel Sheherazade com Mafran Dutra, diretor-geral de produção da RECORD
Rachel Sheherazade com Mafran Dutra, diretor-geral de produção da RECORD Rachel Sheherazade com Mafran Dutra, diretor-geral de produção da RECORD (Edu Moraes/RECORD)

A RECORD confirma que Rachel Sheherazade será a nova apresentadora do reality show A Grande Conquista. Após uma participação intensa e polêmica na última temporada de A Fazenda, exibida no ano passado, ela virou uma das personalidades mais comentadas da mídia e queridas pelo público, conquistando milhões de seguidores em suas redes sociais.

Engajada, de personalidade forte, com um jeito único de articular suas opiniões e com presença dinâmica que, certamente, irá contribuir para conectar de diferentes formas o público apaixonado por reality. Destemida e com quase 30 anos de experiência na televisão, a paraibana Rachel começa 2024 com um novo desafio, agora na área do entretenimento, que irá enriquecer a grade de programação da emissora.

“Estou contando os dias para começar. Já estou maratonando toda a edição do ano passado com a Mariana Rios. Adorei o formato inédito e exclusivo. Isso me deixou muito feliz, saber que eu estou num programa que foi idealizado pela emissora que já é um sucesso. Espero poder substituir bem a Mari, poder levar aos telespectadores toda essa emoção”, conclui Rachel Sheherazade.

O formato original da RECORD mistura famosos e anônimos numa competição fora do comum, cheia de surpresas, emoção e reviravoltas. Nesta segunda temporada, a novidade será que todos os 100 participantes vão encarar um período de desafios na Vila do programa e apenas 20 deles, após decisão soberana do público, terão a oportunidade de entrar juntos na fase da Mansão, onde ficarão confinados e disputarão um prêmio milionário.

Publicidade

Integrar a Rachel ao time de apresentadores é oferecer ao público e às empresas parceiras uma experiência enriquecedora, reforçando o compromisso da RECORD com uma programação versátil que represente diferentes vozes e envolva o público nos diversos espaços multiplataforma onde estão disponíveis as atrações da emissora.

Entrevista com Rachel Sheherazade

Como é ser a primeira apresentadora da RECORD que já foi participante de um reality?

Publicidade

Uma grande honra, eu fiquei muito feliz com o convite. Estou muito feliz em estar aqui representando a RECORD em A Grande Conquista. Vou tentar trazer tudo o que eu vivi e me colocar no lugar também dos participantes. Os conquisteiros vão saber que eu também já passei por muitas das coisas que eles também vão passar naquele momento. Acho que vai ter essa troca entre a gente. Isso é muito importante. Saber estar no lugar do outro com empatia. Vou ter isso, por eu já ter andado os mesmos caminhos que eles vão andar agora.

Durante sua participação em A Fazenda, você ficou muito reconhecida por seus posicionamentos. Pretende levar isso para A Grande Conquista?

Publicidade

Claro. A gente vai ter momentos muito sérios, de puxar a orelha dos participantes, de acolhê-los, de enxugar as lágrimas. Vou ser a grande parceira dos participantes e ser esse elo entre o telespectador em casa e os competidores.

Você tem uma longa carreira no jornalismo e agora está migrando para o entretenimento. Como espera que seja essa transição?

Espero que o público entenda que eu sou uma novata no entretenimento. Vou trazer um pouco do que eu aprendi nos meus anos de jornalismo, de observar o outro, os fatos, os acontecimentos, e trazer a verdade dos fatos, a verdade do que está acontecendo no reality. Mostrar cada participante, a história de cada um e fazer o público entender as razões de cada um e torcer pelo seu favorito. Já estou fazendo essa transição desde A Fazenda, para mim tem sido um aprendizado a cada dia. Espero contar com a paciência dos telespectadores e a ajuda dos meus colegas da RECORD.

Você se inspira em alguém?

Na Adriane Galisteu com certeza. A primeira apresentadora mulher a comandar um reality show na televisão brasileira. Ela é um marco nessa história dos reality shows. Nossa rainha dos reality shows. Vou precisar muito dela, me inspirar muito nela para tentar conduzir bem A Grande Conquista.

Durante A Fazenda, você conquistou muitos seguidores. É possível trazer esse público para a TV aberta?

Claro, é uma ligação. A TV aberta não existe mais sem a internet e a internet também não existe sem a TV aberta. Acho que esses meios se complementam e trocam o tempo todo entre si. Não tem um reality sem os cortes nas redes sociais, sem os comentários, as torcidas. São públicos que se complementam. A Grande Conquista já se apresenta em ações multiplataforma, tem as lives, cabines, os comentários dos internautas. Vamos estar em todos os espaços.

Reality show tem muitos imprevistos. Como vai conduzir essas situações?

Eu tenho que conduzir. Estou ali para deixar as coisas fluírem, mas para que os participantes joguem conforme as regras do programa. Estou ali, às vezes, para puxar a orelha mesmo. Tem que ter firmeza.

Para o Balanço Geral, a jornalista e ex-Fazenda 15 falou sobre as expectativas para o programa. Assista ao vídeo:

A segunda temporada de A Grande Conquista, com apresentação de Rachel Sheherazade, estreia em 2024, na tela da RECORD.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.