Logo R7.com
Logo do PlayPlus

Carlo Porto e Giuseppe Oristânio aprendem a selar papiros para A Rainha da Pérsia

Atores participam de workshop com historiador sobre costumes da época do império

Entrevistas|Gabriel Alberto, do site oficial


Carlo Porto participa de workshop para manuseio e selagem de papiros Gabriel Alberto/R7

A preparação de Carlo Porto (Xerxes) e Giuseppe Oristânio (Harbona) para a superprodução A Rainha da Pérsia, da RECORD, foi muito além do set ou dos encontros com o elenco. A dupla vivenciou os costumes da época na prática e participou de um workshop de selagem de papiros.

No encontro, proporcionado pela Seriella Productions e conduzido pelo consultor histórico da série, professor Maurício dos Santos, os atores aprenderam sobre o manuseio do objeto no contexto do império de Xerxes, além de fazer uma verdadeira imersão nos costumes da época da Pérsia.

“A gente tem várias fontes, trabalha com o texto e quando encontra outros materiais se enriquece e aprofunda muito. Viemos fazer algo simples, que é uma selagem de papiro, mas olha o quanto aprendemos, nunca saímos com a experiência de algo específico, sempre ganhamos muito mais”, destacou Carlo Porto ao site oficial.

Giuseppe Oristânio, que dá vida a Harbona, eunuco responsável por cuidar do rei Xerxes, compartilhou da mesma opinião que o colega de elenco: “É fundamental [o workshop], porque nos coloca próximo à época em que estamos vivendo na trama e muitas dessas ações talvez tenhamos que reproduzir em cena. É importante que estejamos preparados”.

Carlo Porto e Giuseppe Oristânio se preparam para A Rainha da Pérsia Gabriel Alberto/R7

O historiador e professor Maurício dos Santos explicou a importância do workshop e contou como funcionava a assinatura na época em que se passa a trama.

“Naquela época, só os escribas sabiam ler e escrever, e a assinatura tinha um valor imutável. Se você coloca sua assinatura em uma lei ou decreto, aquilo não pode ser revogado depois. E cada pessoa importante, como o Xerxes, tem a sua assinatura, que sempre fica com ele, em alguma parte do corpo. Todo decreto tem que ter a assinatura, que é essa impressão, esse cilindro”, ressaltou o consultor, que completou: “Eles aprenderam como mandar uma mensagem selada, trancar um papiro e a intenção é que eles consigam fazer o selamento que seja inviolável no papiro”.

Acompanhe A Rainha da Pérsia de segunda a sexta-feira, às 21h, na tela da RECORD.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.