Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Balanço Geral Manhã RJ
Publicidade

Cabeleireira sofre racismo ao procurar vaga de emprego no Méier

Dono de loja, homem chinês disse que jovem não poderia trabalhar no local por ter tom de pele "abaixo do padrão"

Balanço Geral Manhã RJ|Do R7

Uma cabeleireira foi vítima de racismo ao se aplicar para uma vaga de emprego em uma loja no Méier, na zona norte do Rio de Janeiro. Segundo ela, o dono do estabelecimento, um homem chinês, disse que a jovem não poderia trabalhar no local por ter um tom de pele "abaixo do padrão".

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.