Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Balanço Geral
Publicidade

"Ele estava dopado", diz advogada de caminhoneiro que atropelou a própria esposa

Segundo parentes e amigos, Jaqueline e David não tinham problemas no relacionamento e ele não teria motivos para matá-la

Balanço Geral|Do R7

Parentes e amigos declaram que o casal não tinha problemas no relacionamento
Parentes e amigos declaram que o casal não tinha problemas no relacionamento Parentes e amigos declaram que o casal não tinha problemas no relacionamento

O Balanço Geral desta terça (7) acompanha o caso do motorista de caminhão que foi preso por atropelar a própria esposa em Minas Gerais (MG). A polícia divulgou imagens de segurança que mostram o momento em que Jaqueline Miranda, de 39 anos, é atingida pelo automóvel que o marido, David de Castro, dirigia.

A vítima estava junto com a filha, que foi amparada por frentistas que presenciaram toda a cena. O motorista fugiu sem prestar socorro. Na gravação é possível perceber que o veículo reduz a velocidade, mas vai embora. David chegou a entrar em contato com a família de Jaqueline para dizer que o atropelamento foi um acidente.

A advogada de defesa Kelly Cardoso comenta que estava de noite e por conta disso ele não teria visto a esposa. “Ele estava dopado, não tinha condições de se apresentar. Ele é trabalhador, é pessoa do bem, não teria porquê ele ficar desaparecido” explica. O suspeito foi preso em casa.

O crime de feminicídio ainda é investigado. Segundo parentes e amigos, Jaqueline e David não tinham problemas no relacionamento e ele não teria motivos para matar a mulher. De acordo com a polícia, a vítima morreu na hora.

O Balanço Geral vai ao ar de segunda a sexta, às 11h50, e aos sábados, 13h, na tela da Record TV.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.