Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

VAR entrará em ação no Desafio dos Balões nesta segunda-feira (19) 

Viola e Amaral participaram da disputa no Balanço Geral, mas será preciso realizar uma revisão do lance; não perca!

Balanço Geral|Do R7

Agora, os ex-jogadores dependem da decisão do árbitro de vídeo
Agora, os ex-jogadores dependem da decisão do árbitro de vídeo Agora, os ex-jogadores dependem da decisão do árbitro de vídeo (Divulgação/Antonio Chahestian)

Palmeiras e Corinthians se enfrentam neste domingo dentro de campo, na RECORD, a partir de 17h45. Mas fora dos gramados, tem outra disputa rolando, e até o VAR vai entrar em ação num inusitado embate de ídolos dos dois times. Os ex-jogadores Viola e Amaral participaram, nesta sexta-feira (16), do Desafio dos Balões, promovido pelo Balanço Geral. A disputa, porém, gerou polêmica e ficou decidido: vai ter revisão do lance, na próxima segunda-feira (19), ao vivo, durante o programa, no ar partir das 11h50.

Para homenagear o clássico que a RECORD exibe no fim de semana, os atletas foram convidados a participar do quadro, um game que ficou famoso por revelar a habilidade de Ana Hickmann em estourar uma série de bexigas enfileiradas em um paredão, especialmente montado para a atividade, numa velocidade jamais alcançada por qualquer outro participante do Brasil.

A brincadeira surgiu em 2019 no Hoje em Dia, e a apresentadora da atração foi desafiada a estourar as bexigas em menos de 15 segundos para bater o recorde do Guinness Book, que pertencia então ao norte-americano David Rush, que cumpriu a missão em 14,77 segundos. Na primeira tentativa, sem qualquer preparo especial, Ana quase atingiu a meta e finalizou o circuito em 18 segundos. Mas algum tempo depois, após passar por um treinamento intensivo de corrida, ela finalmente superou o americano ao estourar todos os balões em 12,80 segundos! Um feito que recentemente viralizou na internet

O Balanço Geral retomou a brincadeira no ano passado, mas, apesar de várias tentativas, nenhum competidor, até agora, tinha conseguido quebrar, no Brasil, o recorde de Ana Hickmann. Agora, com Viola e Amaral, parece que sua atuação foi finalmente superada!

Publicidade

Nesta sexta-feira, Amaral, aparentemente, estourou os 200 balões em 10,7 segundos e Viola em 11,41. Entretanto, após o término do programa, o árbitro da disputa, Marquinhos, pediu a revisão do lance dizendo que houve falha no cronômetro e foi prontamente atendido.

Mesmo que haja alteração no tempo do ídolo corintiano, os ex-jogadores bateram o recorde mundial da modalidade. Resta saber quem fica com o título de mais rápido jogador!

Não perca a decisão do VAR, no Balanço Geral desta segunda-feira (19), a partir das 11h50.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.