Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Cidade Alerta
Publicidade

Policial persegue uma vítima e acaba matando outra

Uma mulher em apuros pediu ajuda ao porteiro do seu prédio, que tentou ajudar, mas acabou pagando com a vida; entenda o caso 

Cidade Alerta|Do R7

Trabalhador foi vítima de vingança cruel
Trabalhador foi vítima de vingança cruel Trabalhador foi vítima de vingança cruel (Reprodução/RECORD)

O Cidade Alerta mostrou o momento exato em que um policial militar aposentado cometeu um assassinato a sangue-frio dentro do próprio condomínio em Recife (PE).

Os moradores do prédio ouviram uma confusão que tomou uma proporção maior do que se poderia imaginar. Segundo eles, o médico e policial militar, de 60 anos, agrediu sua esposa em uma briga que começou no apartamento do casal. Com medo de ser morta, a mulher fugiu para as áreas comuns do condomínio, pedindo socorro. 

Em seguida, o agressor desceu até a entrada do prédio procurando por ela, e percebeu que o porteiro, de 53 anos, estava ligando para a polícia, na intenção de ajudar a vítima. Então, o PM surpreendeu o trabalhador com uma arma e disparou seguidas vezes, o matando na hora. 

Leia também

A equipe do programa conseguiu imagens exclusivas do circuito de segurança do prédio. Nas gravações, o idoso aparece procurando sua primeira vítima, pouco antes de achar a segunda. Em frente à guarita onde o porteiro estava, e não teve oportunidade de se defender, o PM atirou à queima-roupa. 

Publicidade

Após cometer o assassinato, o homem voltou para o seu apartamento, e não deu mais notícias. Pouco depois, as autoridades, que receberam o chamado do porteiro, chegaram no residencial. Os policiais do BOPE isolaram a rua e, pela varanda de um apartamento vizinho, entraram na casa do criminoso. 

Segundo os agentes, o PM teria cometido suicídio e foi encontrado morto. Os corpos foram levados para o Instituto Médio Legal da região, para serem periciados. "Um trabalhador perdeu a sua vida no cumprimento do seu dever", desabafou uma testemunha. 

Publicidade

Confira na íntegra:

Fique ligado no Cidade Alerta para mais casos como esse. O programa vai ao ar de segunda a sexta, a partir das 16h45. E aos sábados, a partir das 17h, na tela da RECORD.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.