Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Cidade Alerta
Publicidade

‘Vou lutar por ele’, diz esposa de homem agredido brutalmente após briga com vizinhos

Reinaldo, de 51 anos, também teve uma arma apontada para a cabeça no momento em que trabalhava em uma loja de conveniência em Sumaré (SP)

Cidade Alerta|Do R7

RESUMINDO A NOTÍCIA

  • Briga de vizinhos quase acaba em tragédia em Sumaré (SP);
  • Reinaldo chegou a ficar internado com machucados na cabeça;
  • A esposa teme que os vizinhos voltem para o prédio;
  • Os policiais buscam por outras câmeras de segurança para encontrar os agressores.
Briga de vizinhos quase acaba em tragédia em Sumaré (SP) (Reprodução/RECORD)

O Cidade Alerta trouxe com detalhes o caso de um atendente de uma loja de conveniência, agredido por dois homens e uma mulher em Sumaré (SP). Reinaldo, de 51 anos, teve uma arma apontada para o cabeça e acabou internado com ferimentos.

Segundo a vítima, dois dos agressores são vizinhos dele, que não teriam gostado das reclamações sobre os latidos do cachorro e resolveram se vingar. O caso ainda está sendo investigado.

Leia também:

Tudo começou quando Reinaldo foi questionar para a vizinha do prédio onde mora sobre os barulhos de latidos do cachorro. Moradores afirmam que há mais de três meses já vinham reclamando do som.

“Foi ela que começou, xingando de tudo o que é nome. E eu fui embora e falei: ‘Depois você fala para o seu marido para gente conversar’”, conta Reinaldo.

Publicidade

Durante o horário de trabalho da vítima, três agressores entraram na loja, localizada em Sumaré (SP), e agrediram brutalmente Reinaldo, que mesmo sem esboçar reação, teve uma arma apontada para ele: “Disseram que se eu continuasse trabalhando lá, iam me matar”.

Após a briga, Reinaldo foi para a casa pedir ajuda para a esposa. Assustada com a situação, Dora chamou a polícia: “Coloquei uma toalha e fui enxugando o sangue. Eu não sabia se estava saindo sangue do olho, do ouvido, da boca. Era muito sangue!”, e desabafa: “Foi um dano muito grande, como psicologicamente, fisicamente e financeiramente”.

Publicidade

“Eu sei que tem muito barulho aqui [no prédio] de cachorro. Aí você liga para a portaria e o porteiro está fazendo outra coisa e não consegue ver aonde é”, desabafa moradora do prédio.

A vítima chegou a ser internada com machucados na cabeça e pelo corpo, mas foi liberada do hospital. A esposa teme que algo aconteça, pois Reinaldo está fraco e não consegue se alimentar direito.

Publicidade

O casal tem medo de que os vizinhos voltem para o prédio.

Os agressores foram intimados para prestar depoimento. Reinaldo e Dora cobram que os autores do crime sejam indiciados por tentativa de homicídio. A polícia segue investigando o caso.

“Ele representa tudo [para mim]. Minha segurança. É só nós dois, né? Eu por ele, e ele por mim. Vou lutar por ele, porque ele faria isso por mim também”, desabafa a esposa.

Assista ao vídeo:

O Cidade Alerta vai ao ar de segunda a sexta-feira, a partir das 16h30; e aos sábados, com duas edições, às 17h e às 21h, na tela da RECORD.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.