Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Rio 2016
Publicidade

Morre militar da Força Nacional baleado por traficantes no Rio

Soldado de Roraima foi atingido por tiro na cabeça na Maré. Governo decretou luto oficial

Rio 2016|Da Agência Brasil, com R7


Ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, prestou homenagem ao soldado da Força Nacional em seu perfil do Facebook
Ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, prestou homenagem ao soldado da Força Nacional em seu perfil do Facebook

O soldado da Força Nacional Hélio Vieira Andrade morreu no Hospital Salgado Filho, no Méier, bairro da zona norte do Rio de Janeiro, onde estava internado desde a última quarta-feira (10), depois de ser baleado por homens armados, na Vila do João, no Complexo de Favelas da Maré.

Oriundo do Estado de Roraima, ele foi atingido na cabeça por um tiro quando, junto com mais dois colegas de farda, entrou por engano na comunidade. A informação da morte do militar foi confirmada pelo Ministério da Justiça.

O presidente em exercício Michel Temer (PMDB) decretou luto oficial de um dia em todo o País por causa da morte do militar. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (12).

— É declarado luto oficial em todo País, pelo período de um dia, contado a partir da data de edição deste Decreto, em sinal de pesar pelo falecimento do Soldado Hélio Vieira Andrade, da Polícia Militar do Estado de Roraima, que, não hesitando em cumprir o seu dever, foi vitimado em atuação efetiva durante operação da Força Nacional de Segurança Pública nos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos Rio 2016.

Publicidade

Segundo o decreto, o dia de luto se deve ao “alto nível de excelência e a importância do trabalho desenvolvido por aqueles que se dedicam diuturnamente a garantir a segurança dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos Rio 2016 e a zelar pela manutenção da lei e da ordem no País”.

Leia mais notícias de Rio 2016

Publicidade

Pelas redes sociais, o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, lamentou a morte do militar.

— Quero expressar meus sentimentos aos familiares do soldado Hélio Vieira, que sofreu um ataque covarde e, infelizmente, morreu hoje em decorrência dos ferimentos.

“Soldado Vieira é um verdadeiro herói do nosso país. O presidente da República, Michel Temer, decretará luto oficial pela morte de nosso herói. Honra e dignidade aos nossos policiais”, acrescentou.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.