Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

‘Tem que ter um tempero’, diz Andréa Sorvetão sobre quem sonha se destacar no Canta Comigo 6

A ex-Paquita e jurada da atração falou sobre projetos para 2024 e reforçou como o reality musical está sempre se renovando e trazendo boas surpresas ao público

Entrevistas|João Pedro Gadelha*, do site oficial

A artista Andréa Sorvetão está presente na bancada de jurados desde o primeiro Canta Comigo (RECORD/Antonio Chahestian)

Pioneira no painel de especialistas do reality musical da RECORD, a atriz, cantora, influencer e palestrante Andréa Faria, a Sorvetão, está presente desde o primeiro Canta Comigo, ainda comandado por Gugu Liberato. Sempre ao lado seu marido, o cantor Conrado, eles dão o tom alegre ao paredão e têm sempre boas histórias para contar. Em entrevista ao site oficial, a jurada relembrou sua trajetória profissional e ainda compartilhou alguns projetos para 2024.

A jurada que marcou toda uma geração como Paquita vira e mexe reencontra fãs do outro lado do palco, que acompanharam sua carreira na adolescência. No grupo de loiras, que cativava crianças e jovens, Andréa iniciou sua carreira na televisão. De lá para cá, ela já participou de A Fazenda 6, Power Couple e Troca de Esposas na tela da RECORD. Mas não esconde que o Canta Comigo é o seu favorito. “A gente participa desde o primeiro [Canta Comigo], do Gugu, e têm um carinho enorme de fazer parte desse projeto”, admitiu.

Veja também

A sensação de encontrar quem acompanha e admira sua carreira do outro lado do palco é única: “É muito emocionante poder conhecer pessoas talentosas que sobem no palco, cantam e quando terminam falam que são nossos fãs. Porque é uma troca de lugar, eu acabo conhecendo e virando fã de pessoas que também são meus fãs, isso é gratificante”.

Mesmo com bagagem suficiente para poder ser rigorosa nas avaliações, a jurada contou que, na verdade, procura dar todo o apoio possível aos candidatos. “Às vezes, a pessoa realmente não vai bem, mas eu não deixo de cantar com ela, porque eu tento dar força. Muitos [dos competidores] nunca pisaram em um palco de televisão, então tem o nervosismo, e eles não estão se apresentando para o público comum, estão sendo julgados, isso também é diferenciado”.

Publicidade

Avaliação em casal

Andréa contou que o marido Conrado é mais crítico no painel. Porém, mesmo ela questionado algumas decisões do cantor, o casal consegue encontrar pontos de equilíbrio nos julgamentos. “A gente discorda muitas vezes, ele é muito mais técnico do que eu. Mas, na maioria das vezes, o que pega a gente é a história da pessoa, como que ela conseguiu chegar até ali. E quando por algum motivo não cantamos, tentamos, pelo menos, estimular e não acabar com o sonho da pessoa”, explicou.

A artista entende a pressão que a indústria do entretenimento pode causar em algumas pessoas que tentam a vida em frente às telas. Mesmo assim, comentou que é preciso ter um diferencial. “No [meio] artístico, a pessoa tem que ter um ‘tempero’. E a pessoa que sobe ao palco, a gente sente quando é artista, então querer nem sempre é ser. Não tem jeito, e a gente dá o stop, porque não é uma questão de querer frustrar um sonho, mas sim de direcionar mesmo”.

Publicidade

Dicas de quem sabe

Encontrar um equilíbrio entre a crítica e o carisma para avaliar os competidores do reality não é tarefa fácil. Mas, com anos de experiência na bancada ao lado de 100 jurados, Andréa entende bem a função. Apesar disso, chamar sua atenção não é tão difícil e a artista elencou os critérios: “É um conjunto, porque a pessoa tem que concentrar, não esquecer a letra, se entregar, ter afinação e, claro, cantar”.

E completou: “Para não dar uma quebra de expectativa, eu acho muito importante [o candidato] não demonstrar que está aguardando os jurados cantarem. Porque a gente consegue sentir isso.”

Publicidade

A jurada contou uma atitude que, para ela, é um erro fatal. “Uma coisa que o candidato nunca deve fazer é jogar [a música] para a gente cantar, pois queremos ouvir a voz dele”.

Renovação constante

Por estar presente desde o primeiro Canta Comigo, em 2018, ela acompanhou todas as transformações do programa até a edição atual. Segundo ela, a proposta que mais chamou sua atenção na sexta temporada foi o Duelo dos Jurados, que consiste em uma batalha musical entre dois avaliadores escolhidos que vão para o palco e soltam as vozes. “O pessoal de casa pode votar em quem mais gostam, fazendo uma interatividade muito legal”, comentou.

Ela ainda falou sobre outra surpresa positiva que percebe a cada edição do programa e deixou um gostinho do que o público pode esperar: “Nosso país é gigantesco e fomentado de talentos. Eu fico muito feliz de ver a quantidade, já estamos na sexta temporada do adulto e são muitos. E ainda há muita gente para vir, essa temporada está surpreendente, então aguarde”.

O coração do reality

Marca registrada do Canta Comigo, a quantidade de especialistas para julgar os competidores é algo único em um programa. Além de cantores, o painel é formado pelos mais diversos talentos e experiências para agregar na avaliação dos candidatos que se esforçam para impressionar a maior quantidade possível. Como uma das precursoras dessa grande família, Andréa compartilhou uma análise profunda sobre uma das principais partes do reality: o júri.

Segundo ela, apesar de ser composto por 100 pessoas, o painel de especialistas apresenta uma sintonia única, impressionante e difícil de explicar. “O painel dos jurados é uma pulsação. É como se fosse um coração que pulsa junto mesmo. A gente sente tudo e é muito doido isso, mas é verdade. Acontecem muitas coisas nesse programa, é emocionante”.

O melhor ainda está por vir!

A carreira da artista está a todo vapor e ela adiantou uma novidade para o site oficial: “Trabalhos no teatro e musicais para a criançada. Coisas para elas poderem ter ligação com valores e princípios importantes”. Deixou, ainda, uma curiosidade: “Depois vêm outras coisas aí que eu ainda não posso falar, logo, logo a gente solta”.

Por fim, aproveitou para fazer um apelo: “Hoje, a internet é muito forte, mas não deixem de assistir à TV e prestigiar o Canta Comigo, que é um programa muito especial. Nós temos muitos talentos no nosso país, e virão grandes surpresas no ar”.

Sob comando de Rodrigo Faro, a nova temporada de Canta Comigo vai ao ar aos domingos, às 18h, na tela da RECORD.

* Estagiário sob supervisão de Juliana Lambert

Veja também!

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.